Países e cidades onde essas Oficinas-Laboratórios foram compartilhadas (texto em português)

Oficinas-Laboratórios e Seminários coordenados:


Práticas de (Des)velamento de Situações Cotidianas

Oficina-Laboratório intensivo de análises dos Corpos nos espaços públicos, os micropoderes que neles se ativam, e alguns possíveis modos de gerar (trans)versões através da Performance, as Intervenções Urbanas e a Filosofia.

 

      17 a 22 de julho de 2017. Oficina Cultural Oswald de Andrade. São Paulo, Brasil.

      2 a 4 de junho de 2017. Casa de Cultura San Rafael. Cidade do México, México.

      15 a 21 de maio de 2017. Galeria Escritorio de Procesos. Mexicali, México.

      10 a 13 de maio de 2017. Galeria Deslave. Tijuana, México.

      5 a 6 de maio de 2017. Centro Cultural Espacio Vacío. Matamoros, México.

      24 a 29 de abril de 2017. Centro Cultural Alaken. Reynosa, México.

   20 a 22 de abril de 2017. Oficina de formação para professores do Instituto Reynosense para a Cultura e as Artes (IRCA). Reynosa, México.

      5 a 11 de dezembro de 2016. Casa Belgrado, Buenos Aires, Argentina.

 ▪     28 de novembro a 4 de dezembro de 2016. “Edgar De Santo Estudio”. La Plata, província de Buenos Aires, Argentina.

       15 a 19 de novembro de 2016. “El Galpón del Arte”. Azul, Província de Buenos Aires, Argentina.

       20 a 27 de fevereiro de 2016. “Espacio 553”. Cidade do México, México.

 ▪   16 a 19 de fevereiro de 2016. Unidade de Posgrado em Artes e Design da Universidade Nacional Autónoma de México (UNAM). Cidade do México, México.

 ▪    8 a 13 de fevereiro de 2016. Escola de Belas Artes de UABJO e Museu de Arte Contemporânea de Oaxaca (MACO). Oaxaca, México.

      17 a 22 de novembro de 2015. SESC-Santos, São Paulo, Brasil.

      19 a 24 de outubro de 2015. Museu de Arte Contemporânea (MAC), Lima, Peru.

      7 a 15 de agosto 2015. Espaço cultural La Grieta, La Plata, Argentina.

      13 a 19 de julho de 2015. MANTA, San Martín de los Andes, Argentina.

       7 a 15 de fevereiro 2015. Casa Belgrado, Buenos Aires, Argentina.

       14 a 18 de novembro de 2014. Universidade do Pacífico. Lima, Peru.

 ▪    20 de outubro a 1 de novembro de 2014. Bienal Internacional de Dança do Ceará. Vila das Artes, Fortaleza (CE), Brasil.

       18 a 29 de agosto de 2014. SESC-Crato, Ceará, Brasil.

     15 a 21 de setembro de 2013. Instituto Municipal de Cultura e Arte (IMCA). Barquisimeto, Venezuela.

       26 a 29 de agosto de 2013. Fundação Waja, Facatativá, Colômbia.

       20 a 24 de agosto de 2013. Corporação Artística ImaginEros, Medellín, Colômbia.

 ▪    12 e 13 de agosto de 2013. La Karakola, Kasa de Experimentação e Konvivencia Artística, Quito, Equador.

       16 a 29 de julho de 2013. “elgalpon.espacio”, Lima, Peru.

 ▪    29 de maio ao 2 de junho de 2013. Centro Pedagógico e Cultural Simón I. Patiño, no contexto de “Cimientos, 3er Festival de Performance e Accionismo”. Cochabamba, Bolívia.

       28 de janeiro ao 1 de fevereiro de 2013. CasaTierra, Buenos Aires, Argentina.

 ▪   23 a 31 de janeiro de 2013. Em apoio à “Sala Alberdi” após a ordem de expulsão imposta pelo Governo da Cidade de Buenos Aires. Plaza Seca do Centro Cultural General San Martín (CCGSM). Buenos Aires, Argentina.

       5 a 9 de novembro de 2012. Atelier Livre, Porto Alegre, Brasil.

       Agosto-Setembro de 2012. Peras de Olmo-Ars Continua, Buenos Aires, Argentina.

       24 a 27 de julho de 2012. ENEARTE 2012, Rio de Janeiro, Brasil.

       25 a 28 de novembro de 2011. Santiago, Chile.

       9 de agosto de 2011. Universidade Pedagógica Nacional, Bogotá, Colômbia. 




Cartografia Sensível: um instrumento para a investigação com Performance em espaços

públicos


Oficina-Laboratório intensivo de pesquisa de diferentes espaços públicos específicos através de Cartografias Sensíveis, utilizando esta metodologia a modo de um instrumento para a indagação prévia de fluxos de intensidades sutis que afetam os Corpos no território onde se quere acionar. A Cartografia Sensível, entendida como uma pesquisa através de todos os sentidos e não só com a razão, na procura de cartografar as normas que aí operam como assim também os desvios que os Corpos geram através dos diferentes usos públicos, privados e íntimos que diariamente praticam em ditos espaços públicos, com a intenção de somar-nos à com-posição de relatos junto com as pessoas que por aí transitam e vivenciam, evitando cair na im-posição de relatos produzidos por obras de arte preconcebidas à distância.

     28 de junho a 2 de julho de 2017. Casa de Cultura San Rafael. Cidade do México, México.

     3 a 8 de novembro de 2016. Santos, São Paulo, Brasil.

     20 a 28 de julho 2015. Casa Belgrado, Buenos Aires, Argentina.




Violências limiares e práticas que reafirmam a vida

Oficina-Laboratório de Performance e Teatralidades Expandidas focado na pesquisa das violências normalizadas e os desvios cotidianos que são gerados em contextos de violências explícitas. Atividade coordenada junto com Flor Firvida. Diana Delgado e Ricardo García López durante “Nepantla Residência Expandida”. Centro Cultural Alaken. Reynosa, México.

 

          Parte I: 1 a 5 de fevereiro de 2017

          Parte II: 13 a 18 de fevereiro de 2017



 

 

Corpos, Saberes e Afetações

Oficina-Laboratório intensivo de pesquisa de diferentes espaços públicos, privados e íntimos da cidade de Santos, e dos diferentes usos públicos, privados e íntimos que diariamente são gerados em cada um desses espaços. Os usos e práticas, entendidos como desvios possíveis das normas. A Performance, entendida como ações que participem desses desvios.

 

  ▪      4 a 11 de setembro de 2016. MIRADA – Festival Ibero-Americano de Artes Cénicas de Santos, São Paulo, Brasil.

       29 a 31 de outubro de 2015. Oficina-Laboratório coordenada junto com Tzitzi Barrantes no contexto do “4º Encontro Experiências da Carne”. Lima, Peru.

 



 

O Corporear, como prática de restauração-restituição simbólica de um futuro anterior

      Abril-Maio de 2013. Oficina-Laboratório em torno ao conceito de “Corporear”, compreendendo-o como uma ferramenta que articula o estético em função do ritual, potenciando a ação artística a transcender seus limites e possibilitando a sanação de um acontecimento passado que se continua no presente. Buenos Aires, Argentina.


 


Comments